Projeto Motyrum arrecada insumos para detentos do sistema prisional

O projeto de extensão Motyrum Penitenciário e o grupo de pesquisa Violência, Trabalho e Ilegalismos, da UFRN, em parceria com diversas organizações da sociedade civil, lança a campanha de arrecadação de insumos para o sistema prisional, agora com ponto de coleta nas cidades de Caicó e Pau dos Ferros e nas regiões do Seridó e Oeste do RN, respectivamente. 

Os colaboradores podem ajudar com a doação de materiais de higiene e limpeza, como  álcool líquido 70%, álcool em gel 70%, desinfetante, sabão em pó e água sanitária. Outros itens de higiene pessoal, como sabonete líquido, aparelhos de barbear, creme dental e chinelos na cor branca, também podem doados. 

A campanha se volta também a ajudar na reposição de materiais de higiene pessoal para os apenados, porque esses produtos se encontram em situação de escassez, devido à suspensão das visitas e às mudança na dinâmica da economia. A paralisação das atividades profissionais e a contenção de gastos dificultam a manutenção dos parentes e consequentemente a manutenção dos parentes presos que necessitam desse tipo de assistência durante a pandemia.

A equipe do Motyrum esclarece que como a pandemia da covid-19 é  um problema de saúde pública, medidas de higiene e isolamento social tomadas pela população são essenciais no combate à doença. Além disso, acrescenta a equipe, “precisamos pensar, também, no combate ao vírus no sistema prisional”, pois, além de se tratar de uma população que já possui uma condição de vulnerabilidade, no contexto atual, há um agravante: a contaminação do vírus no cárcere pode acelerar ainda mais o contágio da população em geral.

Fonte: Agecom/UFRN.