UFRN oferece curso de capacitação em auditoria para servidores

Com o objetivo de promover a capacitação de servidores e fortalecer a auditoria interna da instituição, a UFRN, por meio da Pró-Reitoria de Gestão de Pessoas (Progesp), estabeleceu uma parceria com o Tribunal de Contas da União (TCU) para a realização de um curso no qual são apresentados e discutidos temas relevantes para o melhoramento do controle de processos da UFRN. O curso é dividido em quatro módulos que contemplam diferentes etapas e aspectos ligados ao trabalho de auditoria.

“Esse trabalho busca agregar valor à gestão”, explica o professor e auditor geral da UFRN, Anailson Gomes. “Um curso como esse, com uma carga horária de 60 horas, vai ajudar a consolidar o trabalho da auditoria da UFRN ao mesmo tempo que fornece aos servidores uma oportunidade de qualificação para eles atenderem às demandas da auditoria”.

Atualmente, no segundo módulo, o curso engloba temas como governança; planejamento de auditoria; execução e relatório de auditoria; e monitoramento de processos, além de contar com a participação de servidores de vários setores da UFRN e não apenas da Auditoria Interna da instituição. É o caso de André Gurgel, servidor que atua na Secretaria de Gestão de Projetos (SGP) da UFRN.

Ele comenta que, ao se promover a integração entre diferentes setores em um curso de auditoria, há benefícios para todos os lados. “É uma relação de ganha-ganha, pois todo mundo sai ganhando. “A importância de gente de outras áreas estar fazendo esse curso é podermos entender um pouco mais qual é a função do auditor, o que eles trazem de ganho para a instituição e trazer, também, o que a gente faz para a auditoria também entender qual o nosso trabalho aqui”, fala.

Instrutores do TCU convidados pela UFRN são os responsáveis pelas aulas, nas quais são apresentados conteúdos e propostas de atividades práticas. Um desses instrutores é o José Arimatéia Neto, Auditor Federal de Controle Externo do TCU. “A gente está tentando passar para o pessoal aqui, entre outras coisas, quais são as principais etapas no processo de planejamento de auditoria, para que se consiga planejar trabalhos relevantes para serem bem executados na UFRN”, diz.

Além dele, outros ministrantes foram convidados para darem aulas nos próximos módulos do curso, que têm previsão de término em março. Ao fim das aulas, os servidores estarão “capacitados e entenderão melhor como funciona o trabalho da auditoria”, explica o professor Anailson Gomes. Ele completa dizendo que esta é uma oportunidade para “melhorar os processos que são realizados aqui, a gestão da universidade e a utilização de recursos. Ao fazer isso, estamos fortalecendo a própria instituição”, finaliza.

Fonte: Agecom/UFRN.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

dois × três =